30 de junho de 2008

às compras


o peso pede rodinhas no saco...

29 de junho de 2008

28 de junho de 2008

26 de junho de 2008

coisas nossas II


aos dois meses e meio trocamos a mamada da madrugada por novo ciclo de sono. o resultado são ciclos de sono entre a meia noite e as sete da manhã, seguidos, mais hora menos hora e excepções à regra, que o rigor tem oscilações descomprometidas. invariavelmente cai no sono depois dos dois ou três rituais, sem chupeta, com fralda, sem companhia e com mais ou menos "voltinhas". aos quase cinco meses o período diurno é mais desritmado e o sling continua a ser o seu lugar de eleição. lá, está o espírito do lugar, o genius loci da sua vivência.

25 de junho de 2008

velho novo


feira do brinquedo


não me tenho agendado por ai além. tenho falhado várias feiras no parque, várias aulas e a máquina continua à minha espera. para o próximo sábado um programa há muito agendado que espero não falhar.

24 de junho de 2008

16 de junho de 2008

membros II


depois das mãos, os pés...
ou com as mãos nos pés...
sem não antes passar pelos joelhos, que o tempo tem permitido livres de artefactos.
e porque este espaço às vezes também me concentra apontamentos, que às vezes espalho, faço dele não diário mas apontário.

14 de junho de 2008

PAIVA com rio e sem castelo



deitado descobriu o recorte das folhas no céu, com movimento ao seu ritmo. melhor que qualquer tv a brilhar

11 de junho de 2008

primeira


até à ultima colher

10 de junho de 2008

por ouvir até ao fim


primeiro concerto desde que temos o tempo efectivamente cornometrado. e o tempo não chegou.

7 de junho de 2008

nine in four out - II


o sling é o nosso mais profundo prazer

nine in four out - I


éramos assim dois em um, um em um ou um mais um. continuamos assim, emaranhados. ainda só nos soltamos duas horas por semana, a omnipresença continua a reinar. a separação mantém-se como tema mentalmente adiado. queria ficar assim agarradinha a ver-te crescer muito mais devagarinho. pode ser?

5 de junho de 2008

diálogos

ir.
de sling a caminho da farmácia, 6 putos de skate observam-me a bolsa canguru.
voltar.
escuto:
ó senhora o que leva ai é um bebé?
respondo que sim
acertei! não percebes nada!

4 de junho de 2008

1 moeda 4 livros


recuperar memórias visuais

2 de junho de 2008

vitamina D


frases: coitadinho sem sapatos

eu vista por mim

eu vista por mim
novembro1982