9 de outubro de 2007

my baby grey's



gostava de me colorir mais na vida e na aparência mas retraio-me e arrisco pouco. continuo pouco colorida, cinzenta, talvez mortiça. my baby grow's e eu vou conte-lo num grey entrançado que me deliciou pela suavidade do tom e por fugir aos tons de azul não me prendo ao anzol para (não) ser original. agora, combino-lhe um branco luminoso ou um colorido garrido. para mim, para a deslocação dos nossos futuros acessórios mais imprescindíveis, uma mala. uma baby bag perfeita, florida mas não colorida, alegre mas sem macaquinhos queridos que os da cabeça já me chegam. a combinar com o sling. pois claro.
.
mais uma vez expliquei que não, que não precisava de transportar a mala adquirida em mais um saco inútil, que a mala se transporta a ela própria e que se dispensa a acumulação desmedida de sacos e saquinhos lá por casa. é particularmente nas compras, loja a loja, que mais me chateia o acumular de sacos, de papel ou não, não gosto de navegar em sacos. pode ser que no futuro próximo pelo menos os de papel sirvam para o (re) corte e colagem ou para os riscos e rabiscos do rebento.
.
também para o enxoval encomendamos este.

2 comentários:

inubil disse...

gosto, e mt!

Prima Susi disse...

Muito lindo o baby grow......e a mala também.....

eu vista por mim

eu vista por mim
novembro1982